CUIDADOS COM O BEBÊ

Estou grávida! E agora?

/
3 0
estou grávida e agora
Tempo de leitura: 4 min

Descobrir a gravidez é um misto de sentimentos. Planejado ou não, o primeiro ou o mais novo caçula. Sempre é uma mistura de felicidade com preocupação. Por conta disso, fica difícil saber quais são os primeiros passos a se seguir, assim como ter conhecimento do que pode e não se pode fazer. 

Então, para te ajudar a realizar os procedimentos adequados, separamos as principais dicas para se preparar agora que descobriu a gravidez. Conheça, a seguir, cada uma delas.

1. Procure um obstetra

O primeiro passo após descobrir a gravidez, é iniciar a procura por um obstetra no qual você sinta confiança e que possa atender às suas necessidades até o momento do parto. 

Para que isso seja mais fácil, peça indicações de outras mães e analise as suas opções. 

Não hesite em procurar outro profissional caso não se sinta confortável com o médico que escolheu. Afinal, não basta escolher um com diversas especializações, é preciso que ele passe empatia, segurança e confiança. Portanto, não tenha vergonha de pesquisar e perguntar para fazer uma boa escolha.

2. Inicie o pré-natal

Após definir o médico que irá te acompanhar nos próximos meses, marque a primeira consulta. É fundamental que você consiga sanar todas as suas dúvidas. Então, com antecedência, anote tudo o que quer saber para perguntar na sua consulta.

Na consulta pré-natal, o médico realiza uma série de medições e exames como:

  • Aferição da pressão arterial.
  • Medição da barriga com uma fita métrica.
  • Ausculta os batimentos cardíacos do bebê.
  •  Pesagem e indicação de alguns exames, como o ultrassom.

É interessante que você também leve:

  • Uma lista de todos os medicamentos ou substâncias ingeridas e sua periodicidade de uso.
  • A sua carteira de vacinação.
  • Exames realizados recentemente.

Tudo isso, será necessário para que o médico possa analisar a sua saúde e a do bebê, além de facilitar o cálculo da data do parto, entre outras informações. 

3. Tome ácido fólico

Uma das primeiras suplementações indicada pelos médicos é a ingestão do ácido fólico. Ele é capaz de prevenir deficiências congênitas do sistema nervoso da criança. Além disso, auxilia no desenvolvimento da placenta e na produção dos glóbulos vermelhos, que evitam a anemia.

O seu uso pode ser feito durante o primeiro trimestre da gravidez. Todavia, não exceda o seu uso sem recomendação médica.

É importante ainda que você não se esqueça de tomar todas as vitaminas que o seu médico indicar. Afinal, a suplementação nada mais é que uma forma de complementar a sua nutrição e a do seu filho.

4. Alimente-se de forma saudável

Não basta apenas seguir a suplementação indicada pelo médico, a sua dieta é base de toda a nutrição. Desse modo, quanto mais equilibrada for a sua alimentação, melhor será a alimentação do seu bebê. 

É muito importante que você aumente gradativamente a ingestão de proteínas, vitaminas e minerais. Esses nutrientes são encontrados facilmente em carnes, vegetais e frutas. Mas atenção: mantenha as quantidades equilibradas para não ultrapassar o limite de peso recomendado pelo médico. 

Além disso, fuja de:

  • Carnes mal passadas.
  • Queijos feitos com leite não pasteurizado.
  • Fígado e miolos.
  • Frutas e vegetais não higienizados.
  • Frituras.
  • Embutidos.
  • Alimentos conservados no sal.
  • Excesso de alimentos ricos em açúcar.
  • Excesso de alimentos ricos em cafeína.
  • Cigarro e álcool.

Uma vez que todos esses itens podem, de alguma forma, afetar negativamente o desenvolvimento da criança e a sua saúde.

5. Tome cuidado com determinados produtos

Alguns produtos de beleza também precisam ser evitados durante a gravidez. Isso porque alguns produtos capilares, cremes e procedimentos estéticos, como depilação a laser, podem conter substâncias prejudiciais. 

Portanto, pesquise antes e veja se o produto ou tratamento estético que deseja não oferece algum perigo para o seu bebê ou para você.

6. Não se exponha ao sol sem proteção

Tome cuidado também para não se expor ao sol sem proteção. Uma vez que as alterações hormonais nas gestantes podem causar manchas no rosto e até mesmo na barriga (melasma), que normalmente desaparece após o período de gestação. 

Com a exposição ao sol sem proteção, essas manchas podem se tornar permanentes. Por isso, passe protetor solar, utilize itens que te proteja do sol e evite o sol entre 10h e 16h, caso queira manter a pele bonita e saudável. 

7. Cuide-se por dois

Por fim, o mais importante é seguir as dicas e aproveitar a sua gravidez com segurança, até porque é preciso se cuidar por dois. 

Esperamos ter l ajudado nessa etapa tão linda e importante da sua vida. Tenha uma excelente gestação e que o seu baby venha ao mundo forte e saudável! 
Conheça também: 5 livros para pais de primeira viagem que você precisa ler. 

Posts Relacionados
/

Descobrir a gravidez é um misto de sentimentos. Planejado ou não, o primeiro ou o…

0 0
/

Descobrir a gravidez é um misto de sentimentos. Planejado ou não, o primeiro ou o…

0 0
Leave a Reply

Your email address will not be published.