Primeiros passos do bebê.
CUIDADOS COM O BEBÊ

Primeiros passos do bebê: dicas e informações importantes

Tempo de leitura: 6 min

Os primeiros passos do bebê costumam causar muita emoção e expectativas nos papais.

E não é de menos, afinal, é um dos primeiros grandes sinais de que nossos filhos estão realmente começando a crescer e talvez não queiram mais passar o dia no colo.

A psicologia chama essa transição de dependência relativa, na qual os bebês querem mais autonomia para o seu desenvolvimento.

É também aqui que o seu pequeno começa a entender que ele e você, mamãe, são pessoas diferentes.

Mas não precisa se preocupar com as consequências desses primeiros passos do bebê, pois o laço de vocês não é cortado!

E além disso, você tem um papel muito importante no estímulo da caminhada, que vamos te contar ao longo desse artigo, então vem com a gente nessa leitura!

Primeiros passos do bebê: cada criança tem a própria fase

os primeiros passos do bebe - Primeiros passos do bebê: dicas e informações importantes

Evite entrar em comparações com os bebês de outras pessoas, pois cada criança possui o seu tempo de desenvolvimento e isso não tem nada a ver com atraso neuromotor, por exemplo. 

O importante é que você ofereça muito carinho e segurança para que os pequenos se sintam confiantes em explorar o mundo.

Então, antes de estimular os pequenos, verifique se há um espaço seguro na casa para o bebê treinar os primeiros passos. Degraus e escadas, por exemplo, devem ser evitados.

Mas e geralmente, quando o bebê dá os primeiros passos?

A dúvida de quando os primeiros passos do bebê acontecem é muito comum entre os pais e também a razão de muitas comparações entre crianças.

Por isso, antes de tudo, a gente já adianta que cada bebê tem o seu próprio tempo que deve ser respeitado. Afinal, alguns bebês podem começar muito cedo e outros mais tarde e tudo bem.

De maneira geral, aos nove meses de idade os bebês já podem começar a dar os seus primeiros passinhos, porém, isso é muito mais comum a partir do primeiro ano, pois nesse momento a criança já tem um preparo físico e emocional melhor.

Você irá notar que os primeiros passos do bebê estão chegando assim que ele começar a engatinhar e se levantar com o apoio dos móveis da casa ou até mesmo se segurando em você.

Não interrompa essa experiência e o acompanhe, para continuar dando segurança e proteção!

Comece pelo básico: estimule o bebê a se levantar sozinho

Os primeiros passos do bebê não vão acontecer de uma hora para outra. Ficar em pé, abaixar e levantar também fazem parte do processo. 

Uma maneira eficaz de estimular os pequenos é brincando juntamente com eles, para que o bebê imite os movimentos dos pais.

Vocês também podem se posicionar a uma distância do bebê e chamá-lo. É possível perceber, neste momento, que a criança irá levantar a cabeça e tentar alcançar vocês. É aí que os primeiros passos podem acontecer.

Se não der certo de primeira, saiba que o bebê tentará um jeito de alcançar os pais, seja rolando ou engatinhando, processos que também integram a fase do andar.

Semelhante a essa atitude, vocês também podem segurar um brinquedo que ele gosta muito e o chamar para tentar buscá-lo, mesmo que sejam distâncias curtas.

Outra forma de estímulo básica é ficar atrás dele, segurando os seus bracinhos enquanto ele está de pé, seguindo pouco a pouco os passinhos que ele tenta dar.

Por fim, outra dica é deixar perto do bebê algo que ele possa sempre se manter apoiado, como uma cadeira ou banco, afinal, o seu corpinho ainda não está totalmente firme, então essa ajuda é necessária.

Dicas de como estimular o bebê a dar os primeiros passos

com quantos meses o bebe fica com as pernas firmes - Primeiros passos do bebê: dicas e informações importantes

Evite o andador

Contrariando o senso comum, a Sociedade Brasileira de Pediatria não recomenda o uso do andador, pois ele seria responsável por um atraso no desenvolvimento, além de contribuir para acidentes.

Dentre esses possíveis acidentes, destacamos o “capotar” com o aparelho, causando um choque direto na cabeça do seu filho, o que é muito arriscado e pode levar até mesmo ao traumatismo craniano.

A solução, portanto, consiste em apostar em brinquedos de empurrar. Empurrar um carrinho até o outro lado, por exemplo, é um estímulo para que os pequenos o busquem.

Deixe o bebê livre e descalço

Evite colocar os pequenos o tempo todo no colo, no carrinho ou na cadeirinha, pois eles não receberão estímulos assim. 

Para que o bebê possa se aventurar, coloque-o no chão e deixe-o descalço, pois assim há um atrito maior com o chão. Caso esteja frio, opte por uma meia antiderrapante.

Saiba que o bebê vai cair, não se desespere

Dá uma aflição ver aquele pequenininho andando todo torto e molenga, não dá? Mas é assim mesmo e, caso ele caia e chore, socorra-o sem se desesperar, pois isso pode deixá-lo mais inseguro. 

Para que as quedas não causem problemas, tente usar almofadas ou colchonetes ao redor do caminho que o bebê irá percorrer.

Dê a mão aos pequenos, isso passa confiança

Uma forma de oferecer segurança ao bebê é dar a mão a ele para que os primeiros passos aconteçam. 

Você pode começar segurando as duas mãos e, depois, apenas uma. 

Além de estimular os pequenos, essa estratégia faz com que você evite quedas, principalmente se no ambiente de treinos há obstáculos.

Segurança para os primeiros passos do bebê

Nessa fase dos primeiros passos do bebê, infelizmente os acidentes são comuns, pois seu filho ainda não sabe diferenciar o que é perigoso e o que não é.

Então, cabe a você o prevenir de acidentes domésticos, com algumas atitudes como colocando proteções nos móveis com pontas, tirando objetos cortantes ou pontiagudos do alcance do seu filho e evitando deixar alimentos ou coisas quentes sobre as mesas.

Você também deve retirar objetos pesados da beira das mesas, para evitar que seu pequeno os puxe e, se possível, coloque proteção nas janelas e varandas.

Também é fundamental ficar atento quando o seu filho estiver muito próximo de tomadas, ventiladores e aquecedores. A rotina do bebê passa a precisar de ainda mais atenção.

Roupas confortáveis e flexíveis são fundamentais nesse período. Visite o site LALEBLU e confira opções maravilhosas!

Conclusão

Quando o bebê dá os primeiros passos, é aquela euforia. 

Se a sua casa é pequena e não oferece espaço para o treino, lembre-se de que parques e jardins são bons espaços de treinos.

Você também pode gostar...