bebê prematuro cuidados
CUIDADOS COM O BEBÊ

Bebê Prematuro: Desenvolvimento e principais cuidados

Tempo de leitura: 6 min

Um fato é certo: conhecer o universo de bebês e crianças nunca é demais! Quanto mais bagagem você tem, mais fácil fica cuidar de filhos, sobrinhos, netos, afilhados, enfim. Pensando nisso, nós trouxemos o assunto a respeito de bebê prematuro. 

Você sabe, por exemplo, quando um neném é considerado prematuro? Nós vamos esclarecer essa e outras questões, a partir daqui. 

Curiosa (o) para saber tudo? Continue a leitura e veja como ter mais segurança na hora de cuidar dos pequenos! 

Quando um bebê é prematuro? 

O bebê prematuro é aquele nascido antes de 37 semanas de gestação. Os médicos também explicam que existem três subgrupos de prematuros, divididos da seguinte forma:

  • prematuros extremos — nascidos antes das 28 semanas;
  • prematuros intermediários — nascidos entre 28 a 34 semanas;
  • prematuros tardios — nascidos entre 34 a 37 semanas. 

Quais são as características de um bebê prematuro?

bebe prematuro dicas 1 - Bebê Prematuro: Desenvolvimento e principais cuidados

Os bebês nascidos antes do tempo comum têm características mais particulares. 

De forma geral, claro, eles são mais frágeis do que os nenéns que nasceram depois das 37 semanas de gestação. 

Fisicamente, é possível notar os seguintes aspectos: 

  • pele mais fina e mais lisa (as veias costumam ficar mais visíveis);
  • baixo peso corporal;
  • cabeça proporcionalmente maior que o corpo;
  • orelhas mais moles e menores;
  • mãos e pés com a pele mais enrugada;
  • músculos mais fracos;
  • respiração rápida e descompassada. 

Observação: essas características podem aparecer em maior ou menor grau, elas variam de acordo com o nível de prematuridade do bebê. 

O que pode causar um parto prematuro?

São muitas as causas que podem acarretar um parto prematuro. O nível dos problemas também pode ser bem variado. 

Uma anemia (não tratada), por exemplo, pode levar ao parto antes da hora. Outras causas mais sérias são: 

  • pré-eclâmpsia; 
  • descolamento de placenta;
  • enfraquecimento do colo uterino;
  • má formação fetal;
  • mioma no útero;
  • tuberculose;
  • sífilis;
  • infecção nos rins.

Além disso, gravidez de gêmeos e a realização de fertilização in vitro também são casos mais delicados, que podem levar ao parto prematuro. 

Outras causas podem ser a prática de esforço físico, durante a gestação, fora o uso de drogas ilícitas. 

É por tudo isso que o pré-natal se faz ainda mais importante. A gestante precisa do acompanhamento de um médico obstetra. 

Além de, ainda, realizar os devidos exames médicos durante toda a gestação. 

O acompanhamento pode evitar muitos problemas e complicações, seja para a mãe ou para o neném.  

E caso você esteja grávida e tenha qualquer dúvida ou sintoma estranho, não deixe de procurar o seu médico de confiança! 

Como é o desenvolvimento de um bebê prematuro?

A quantidade de bebês prematuros, no Brasil, é maior do que se imagina. De acordo com dados do governo federal, por ano, nascem 340 mil nenéns antes do tempo habitual

A boa notícia é que, graças às Unidades de Terapias Intensivas (UTIs) Neonatais — espalhadas por muitos hospitais brasileiros — as chances de sobrevida e excelente desenvolvimento dos pequenos são grandes.

Aliás, nem todos os bebês prematuros necessitam ficar em UTIs. Tudo depende do tempo gestacional e de demais condições físicas deles, como peso e possíveis complicações. 

Mas, a grande maioria necessita, sim, ficar internado em hospital (ou seja, não necessariamente na UTI), até que consigam ganhar peso (ao menos, 2 kg), conseguir respirar, sugar e deglutir. 

Sendo assim, se você tem um bebê prematuro na família, pense que ele pode se recuperar e tudo ficar bem!

Principais cuidados com um bebê prematuro

bebe prematuro - Bebê Prematuro: Desenvolvimento e principais cuidados

Os bebês sempre precisam de mais atenção, só que no caso dos prematuros, esse cuidado dobra. 

Até porque, como já vimos, a saúde e o estado físico deles são mais frágeis. Veja, então, como agir em casos de: 

Tratamento

O tratamento requer acompanhamento médico e, dependendo do caso, internação hospitalar. 

Depois que o neném consegue atingir o mínimo de 2 kg e, se estiver com boa saúde, ele já pode ir para casa

De lá em diante, você deve levá-lo ao pediatra constantemente, como é feito com bebês que nascem depois das 37 semanas de gestação. 

Alimentação 

É normal que o bebê prematuro não consiga mamar direto do peito da mãe. Isso porque ele ainda não tem a capacidade de sugar.

Quando isso acontece, é possível recorrer à alimentação por meio de um copinho ou, ainda, por um tubo. 

Os médicos e enfermeiras são preparados para orientar os papais nesse processo. 

Sono

Geralmente, o bebê que nasce antes das 37 semanas de gestação dorme bem. Mas, caso isso não aconteça, dá para investir em alguns auxílios. 

Usar um cueiro, que simula o ambiente intrauterino, dar um banho morno e relaxante antes de dormir, diminuir a iluminação da casa, etc. 

Higiene

A pele do neném prematuro também é mais sensível. Em um hospital, a equipe médica recomenda banhos rápidos, de cinco minutos (em média). 

Além disso, também é sugerido usar um pedacinho de algodão, para não machucar o pequeno ou a pequena. 

Em casa, com o bebê já recuperado, basta seguir os cuidados básicos… 

Prestar atenção à temperatura da água, evitar que o bebê escorregue na banheira, deixar tudo pronto para o banho e para colocar as roupinhas, enfim. 

Como a Laleblu pode te ajudar?

A Laleblu é uma loja online especializada em saída de maternidade. 

Além disso, o espaço virtual também tem roupas do dia a dia, acessórios, mantas e cobertores, roupas de cama e muito mais. 

Você pode encontrar tudo isso na categoria Prematuro. Sim! A loja possui uma seção dedicada somente aos bebês nascidos antes do tempo normal.

 

Visite a Laleblu, agora mesmo, e monte um enxoval lindo, prático e de alta qualidade!

Conclusão

Então, gostou de saber mais sobre o universo de bebês? 

Neste conteúdo, nós falamos sobre o caso de bebês prematuros, que são aqueles nascidos antes de 37 semanas de gestação. 

O fato de virem antes do tempo habitual gera maiores cuidados com os pequenos. Com toda a atenção e, principalmente, tratamento médico, o neném tem grandes chances de se recuperar e ir para casa. 

Siga sempre todas as recomendações dos médicos e continue navegando aqui pelo blog Laleblu. Nós adoramos dividir dicas sobre o dia a dia com os bebês! 

Você também pode gostar...