Bebê com soluço com boca aberta e roupinha cor-de-rosa
CUIDADOS COM O BEBÊ

O soluço em bebê é normal? Saiba o que o causa e como parar

Tempo de leitura: 7 min

Ao notar o soluço em bebê, muitos pais se assustam e pensam que esse pode ser um sintoma de algo errado que está acontecendo com seus pequenos.

Mas calma! O soluço no bebê é algo comum, tão comum que acontece até mesmo quando ele está na barriga da mãe.

Neles, o soluço é um reflexo da imaturidade do sistema nervoso que não consegue controlar as contrações do músculo do diafragma.

Além do mais, ele costuma ocorrer assim que o bebê mama, engole ar ou chora.

Quer entender mais sobre as causas do soluço em bebê, até que ponto isso é normal e como prevenir? Então, basta seguir a leitura conosco!

Soluço em bebê é normal?

Sim, o soluço em bebê é normal, assim como é em nós, adultos.

Ele é um sintoma comum principalmente em recém-nascidos, sendo uma contração involuntária do músculo que fica no pulmão, o diafragma.

Assim, essa contração involuntária do diafragma faz com que as cordas vocais fechem depressa, causando o barulhinho do soluço.

Soluço em bebê na barriga

Você sabia que é comum que o bebê tenha soluço até mesmo na barriga da mãe?

Durante a gestação, os órgãos do bebê vão se desenvolvendo pouco a pouco e quando os soluços começam dentro da barriga da mamãe, é porque as atividades do estômago e diafragma estão se iniciando.

Essa é uma reação completamente normal, portanto, mamães não precisam se preocupar caso notem que o bebê está dando esse sinal durante a gestação.

Entenda que essa é uma etapa em que o organismo está treinando o bebê para que quando ele nascer, ele seja capaz de respirar por conta própria.

No mais, o soluço do bebê na barriga da mamãe também pode indicar que ele engoliu líquido amniótico da bolsa, desta forma, como o seu órgão está em desenvolvimento, ele leva ao soluço, uma situação que também é comum.

Soluço em bebê recém nascido

Se o soluço do bebê na barriga da mãe é algo comum, no recém-nascido é ainda mais.

Nos primeiros dias de vida, o soluço acontece por conta das contrações do diafragma e outros músculos respiratórios.

Todos eles são muito imaturos no recém-nascido, então, eles se estimulam ou se irritam com facilidade, levando ao soluço.

Entre os estímulos mais comuns que levam o bebê ao soluço nos primeiros dias de vida, podemos citar a amamentação, que enche o estômago dos pequenos, por isso é fundamental notar quando o seu filho já mamou o suficiente e entender que é hora de parar.

Mas, de qualquer maneira, os soluços por conta da amamentação e de refluxos não são preocupantes aos recém-nascidos, somente se eles interromperem completamente o sono ou a alimentação do bebê.

O que causa soluço em bebê?soluco no bebe - O soluço em bebê é normal? Saiba o que o causa e como parar

O que causa soluço em bebê é a contração do músculo diafragma, localizado abaixo dos pulmões e ligado à respiração.

Assim, há uma irritação do nervo frênico, que aciona os movimentos do diafragma, causando a contração involuntária desse músculo que fecha as cordas vocais rapidamente e causa o som do soluço.

A explicação de o que causa soluço em bebê e em adultos é a mesma, entretanto, nos bebês isso pode ser mais comum de acontecer porque a sua musculatura é mais imatura e sensível, portanto, o soluço está ligado com a distensão do estômago após a mamada, por deglutição de ar ou excesso de leite.

No mais, o frio também é uma das causas que os especialistas apontam como razões do soluço no bebê, justamente por isso é ideal que você agasalhe seu pequeno e o aqueça sempre que a temperatura cair.

Como parar soluço em bebê?

Para parar o soluço em bebê, você deve colocá-lo para mamar, atentar-se na posição dele no momento da mamada, realizar intervalos durante as mamadas e aquecê-lo.

Na sequência, entramos em mais detalhes sobre cada uma dessas dicas. Confira.

Amamente seu pequeno

Se os soluços começarem perto do momento de amamentação, adiante um pouco esse processo. O ato de sugar o leite ajuda a diminuir o reflexo do diafragma dos pequenos.

Atente-se à posição ao amamentar

Para interromper o soluço, você deve manter o seu pequeno com a cabeça mais elevada durante a amamentação.

Isso diminui a chance dele engolir ar enquanto faz a sucção e também torna menores os episódios de soluço.

Realize intervalos durante as mamadas

Se após a amamentação os episódios de soluço começarem, busque fazer intervalos, pois assim o seu bebê arrota e diminui os gases no estômago.

Saiba a hora de parar a amamentação

Repare quando o seu bebê já está satisfeito e interrompa o processo de amamentação. O estômago muito cheio coopera tanto para os soluços, quanto para o refluxo.

Coloque seu bebê na vertical

Se durante o soluço o seu bebê estiver com o estômago cheio por conta da amamentação, coloque ele de pé na vertical.

Essa posição auxilia na saída de gases do estômago e também nos arrotos que ele deve dar após se alimentar.

Aqueça o seu bebê

Manter o seu filho bem aquecido ajuda a diminuir o soluço, pois o simples fato de mantê-lo quentinho regulariza a contração do músculo diafragma, desaparecendo com o soluço. Se precisar de ajuda nessa missão confira quais são as melhores mantas para cobrir o bebê.

Como prevenir soluço em bebê?

soluco em bebe - O soluço em bebê é normal? Saiba o que o causa e como parar

Algumas dicas para prevenir soluço em bebê são:

  • alimente ele quando estiver tranquilo e relaxado;
  • não espere ele ficar com muita fome para amamentá-lo;
  • dê refeições pequenas, mas frequentes;
  • segure ele retinho por aproximadamente 20 minutos depois de cada alimentação.

Quando procurar ajuda?

Como você viu, é comum que recém-nascidos tenham soluços diversas vezes por dia, mas é preciso ficar de olho e pensar em buscar ajuda caso o soluço venha acompanhado de outros sintomas.

Por exemplo, se enquanto soluça o seu filho chora, regurgita ou tosse, isso pode ser um sinal de alerta que precisa de investigação.

Se os soluços também interromperem totalmente a amamentação e sono do bebê, além de levarem mais do que alguns minutos, eles também podem estar indicando algum problema.

Os casos mais sérios de soluço costumam levar a doença do refluxo gastroesofágico (DRGE), que se trata de um problema digestivo caracterizado por incômodos, perda de peso, esofagite, problemas no trato respiratório e ganho de peso insatisfatório.

A doença só pode ser identificada com a análise de um pediatra, que avalia a frequência dos soluços, regurgitação ou vômitos.

Clique aqui para ver modelos de roupinhas confortáveis para evitar soluço, cólica e desconfortos no seu bebê.

Conclusão

Neste artigo, a nossa missão era explicar que o soluço em bebê é causado por conta da contração do músculo diafragma, localizado abaixo dos pulmões e ligado à respiração.

Essa contração ocorre nos pequenos justamente porque a sua musculatura é mais imatura e sensível, portanto, o soluço está ligado com a distensão do estômago após a mamada, por deglutição de ar ou excesso de leite.

Para encerrar os episódios de soluço em bebê, você pode:

  • amamentá-lo;
  • atentar-se à posição ao amamentar;
  • realizar intervalos durante as mamadas;
  • saber a hora de parar a amamentação;
  • colocá-lo de pé na vertical;
  • aquecê-lo.

Por último, não se esqueça de usar roupinhas confortáveis com tecidos que não restrinjam os movimentos na hora da amamentação e do sono.

Você também pode gostar...