CUIDADOS COM O BEBÊ

Massagem shantala: descubra os benefícios para o seu bebê

/
5 0
Tempo de leitura: 4 min

A massagem shantala surgiu a partir da observação do obstetra Frédérick Leboyer em uma viagem à Índia. Ele descobriu que as mulheres indianas massageavam seus filhos, diariamente, de forma acolhedora. Era uma prática natural que favorecia a saúde daquelas crianças.

Neste artigo, vamos apresentar alguns dos principais benefícios da massagem shantala e como ela pode ser feita no bebê. Continue a leitura!

Aumento do vínculo entre pais e filhos

Os laços afetivos criados na infância são essenciais para o desenvolvimento do bebê. Desde os primeiros meses de vida o contato físico está ligado à afetividade, segurança e conforto, seja na amamentação ou no colo.

O aumento do vínculo é um dos principais benefícios da massagem shantala e está relacionado aos estímulos táteis. A pele é um órgão sensorial, considerada a extensão do sistema nervoso. Por isso, ao receber o estímulo, envia sinais ao cérebro, que responde gerando segurança e tranquilidade.

A massagem ainda ajuda as mães (especialmente as de primeira viagem) que se sentem despreparadas. Afinal, ao aplicarem os movimentos em seus bebês, têm a oportunidade de conhecer o corpo dos filhos, entender os sinais que emitem e obter confiança nas rotinas diárias.

Qualquer pessoa pode aprender a técnica, mas o ideal é que os pais sempre se envolvam para que o vínculo seja gerado durante o processo.

Melhoria do sistema imunológico

A massagem shantala vai agir no sistema imunológico do bebê e contribuir para que adoeça menos, pois o movimento linfático produz enzimas e substâncias que são responsáveis pela imunidade celular. Também ativa a produção de endorfina, que gera alegria e bem-estar.

Os movimentos liberam no organismo um fluxo energético que age reduzindo o cortisol, hormônio do estresse. Assim, o bebê adquire equilíbrio e seu sistema imunológico é fortalecido, dando resistência e melhorando a saúde geral.

Desenvolvimento do tônus muscular

Um dos benefícios que se estendem para além da infância é a melhoria do tônus muscular, pois o toque realizado nas áreas de músculo do corpo favorece a coordenação motora e ajuda no alongamento.

Além disso, desenvolve a consciência corporal que ajuda a criança a entender os limites do corpo, ter noção de espaço e, assim, se movimentar melhor. Isso é essencial para que, durante o crescimento, não tenha facilidade em cair ou esbarrar com frequência.

Promoção da respiração cutânea

Nos bebês a troca de pele acontece de forma intensa. A regeneração das células ocorre quando a pele nova é substituída pela velha. A massagem shantala ajuda nesse processo porque os movimentos retiram as células mortas que entopem os poros, promovendo maior respiração cutânea.

Os óleos utilizados são aliados, especialmente os vegetais, visto que são absorvidos pela pele e ajudam a normalizar o tecido, hidratando-o e reduzindo o surgimento de irritações comuns aos recém-nascidos, como brotoejas e vermelhidões.

Alívio das cólicas com a massagem shantala

As cólicas impedem que o recém-nascido durma melhor e, consequentemente, interferem no sono dos pais. Estão, sem dúvidas, entre os principais incômodos para os bebês e são motivos de pânico para todas as mães  que se sentem impotentes sem poder ajudar durante as crises.

Esse incômodo é fruto da imaturidade do aparelho digestivo. Por isso, a massagem vai influenciar nos movimentos peristálticos, ajudando a relaxar a musculatura do intestino para eliminar os gases, dores e prevenir a prisão de ventre.

A massagem shantala alivia as cólicas, mas é bom lembrar que não deve ser realizada na hora da dor. O ideal é praticá-la antes, no dia a dia, quando o bebê estiver disposto.

Para começar, é preciso preparar o ambiente com música suave e aquecimento. A pessoa que for conduzir a massagem deve sentar no chão e colocar o bebê no colo, com os pezinhos encostados em seu abdome.

Inicie massageando tórax, barriga, membros superiores e inferiores. Depois, vire o bebê de bruços e massageie as costas e pernas. Por fim, vire-o novamente e massageie o rosto. Esse é o momento para investir na comunicação, por isso, aproveite a massagem shantala para conversar com o bebê e reforçar o contato visual.

Você gostou de saber os benefícios da massagem shantala? Agora, veja em nosso blog como preparar sua casa para a chegada do bebê!

Posts Relacionados
/

A massagem shantala surgiu a partir da observação do obstetra Frédérick Leboyer em uma viagem…

0 0
/

A massagem shantala surgiu a partir da observação do obstetra Frédérick Leboyer em uma viagem…

0 0
Leave a Reply

Your email address will not be published.